sexta-feira, maio 11, 2007

Second to last of the Mohicans



Tal como o último dos socialistas do Partido Socialdemocrata (PS) nas presidenciais, também agora a última das socialistas do mesmo PS se apresenta como hipotético conjunto intersecção; convencida que está de que o PS é um partido de esquerda. Coitada da rapariga; já alguém mais próximo deveria ter tido a bondade de a alertar para o facto da existência do Pai-Natal ter, há muito, sido desmistificada.

10 comentários:

absorbent disse...

se calhar a sra nao acabou os estudos... :)

as velas ardem ate ao fim disse...

Olha ainda me estou a rir....

bfs

SA disse...

mas ela parece que está ai com a força toda.. ate conta com o apoio dos cidadãos automobilizados... já prever eventuais desastres

Opintas/Bernardo Kolbl disse...

Até pareces o D. Sebastião!!!
Apareces, por fim.
Eu ouvi falar de pato?
Um abraço.

luikki disse...

não me digas que preferes o costa dos bombeiros.....

Eric Blair disse...

Não, não prefiro. Definitivamente. Isto nem sequer é uma crítica à senhora, mas antes um olhar acerca de como a partidocracia engole a ideologia.

Anónimo disse...

oh "rapazinho" e eu não sei????:)))))))))))))))))

________________________


beijos. como sempre. sempre. sempre.


___________________


(piano)

PintoRibeiro disse...

Bom dia e um abraço,
( Desapareceste??? ).

Zé do Telhado disse...

O grande Garry Larson. O gajo a desenhar patos é um espectáculo.

Klatuu o embuçado disse...

JAJAJAJAJAJAJA!!!
Estiveste bem... ;)

Abraço.