sábado, abril 19, 2008

A excepção

Uma recusa é o que os jornalistas obtêm sempre que, durante visitas do presidente pé-de-gesso ao estrangeiro, lhe tentam arrancar algum comentário relativo à política interna.

Porém, desta vez, e apesar de se encontrar de visita oficial ao reino das bananas, instado a comentar o mais recente folhetim do pêpêdêpêéssedê, se bem que parcos, lá foi fazendo alguns comentários.
.

11 comentários:

seu_misha disse...

Já viste quem quinou?

Eric Blair disse...

já, pá, pelos vistos nem tudo ele controlava com as suas influências.
Já recebi alguns SMSs com essa notícia. Olha, caro amigo, a mim nunca me fez falta nenhuma.
Abraço.

ps.(r) ... não deixa de ser curioso ir a Fátima comprar o bilhete pró inferno.

San disse...

� que j� tinha esgotado os imposs�veis todos (5, antes do pequeno almo�o, sugeria a Rainha de Copas, n�o era?)...

San disse...

quanto ao defunto, pois que retorne às profundezas de onde veio. andou por cá demasiado tempo.

Eric Blair disse...

He he, eu que o diga, San ... uma longa história...

San disse...

ui, eric blair, histórias com a corja negra não se recomendam a ninguém! :)

Eric Blair disse...

tal e qual, San; adiante, adiante...

numtiquibóques disse...

Ninguém me tira da cabeça que o Cavaco só disse aquilo para ver se o Alberto João lhe oferecia um bolo de mel para a viagem.
Será que o Cónego vai para o Inferno ou a casa de lá é só para férias?

as velas ardem ate ao fim disse...

E que bananas!

bjo e boa semana

Eric Blair disse...

Pá, Numtiq, paradoxal mesmo é ele ter ido à bilheteira de Fátima buscar o bilhete para o inferno. Foi direitinho sem passar pela casa de partida ...

Eric Blair disse...

tks, Belas; por acaso aqui em casa só comemos bananas da Madeira. Os gajos são bons nisso...