quinta-feira, outubro 04, 2007

Pemçamdo ben ...

Discute-se ali a pertinência da utilização de máquina de calcular pelos alunos do ensino básico.

Sinceramente até acho que era perfeitamente escusado obrigar as pobres das crianças a saber ler e escrever. Estou seguro que está para breve a banalização de um qualquer gadget que fará essa tarefa por nós.

Eu cá, no entanto, pertenço ao grupo dos que não gostam de comida mastigada. Gosto de exercitar a dentadura, vejam bem. Se os pedagogistas – essa corja de inúteis iluminados seguidores duma ciência oculta que se baseia na redacção de tratados acerca de tudo aquilo que não se domina – pretendem produzir alunos desdentados, seguramente que esse é o caminho do sucesso.

ps.(r) as cuecas aparecem em consideração ao pessoal da FHM
.

22 comentários:

'mega' disse...

'óhh eric, a minha matemática nunca foi grande coisa, mas num triângulo rectângulo os lados formam UM ângulo recto, os outros obviamente terão que ser agudos... acho eu.... quanto à hipótenusa, tem lugar cativo, não precisa de bilhete...

se estiver errado vou ali buscar a vergasta e já venho...'

Eric Blair disse...

Num percebes nada de trigonometria, pá, então se o triângulo tem 4 lados como é que pode ter 3 dos ângulos agudos (sabendo-se que o 4º é recto, obviamente). Ai ai, Mega.

'mega' disse...

'pronto, como prometido, já cá tenho a vergasta, amanhã passo o feriado a recuperar...'

SeDona_Su disse...

dos triângulos não posso falar, desde o 1º ciclo que uso máquina de calcular :-)

Eric Blair disse...

Qual opus dei, Mega. :)

Eric Blair disse...

Das que desenham triângulos, SDona?
Pois, já eu andava no 5º (perdão, agora acho que é 9º) quando deitei a unha à primeira.
Trouxe-ma o meu pai de Nova Iorque.
Chamava-se Aurora e era bem jeitosita, mas um pouco bacoca: só fazia as operações elementares mais as raízes quadradas.
Mas dava para o gasto. Era uma época de muitas experiências, e essa foi apenas uma de entre outras auroras...

Francis disse...

ai não me fales na aurora pá...que será feito dela ?

a etiqueta é demais.

Eric Blair disse...

Também me pergunto, Francis. Será que passou por outras mãos, ou ficou para tia?...
Tks.
Abraço.

Pipinha disse...

É que se esquecem que a máquina de calcular ajuda a que não se exercite a cabeça...

Eric Blair disse...

É bom para quem acredita em verdades de fé, Pipinha. Alguém ou algo que pense por ti é o sonho de muita caixa craniana que por aí anda.

San disse...

clap, clap, clap, Eric Blair. Obrigada pelo desagravo.
Eu, na geometria fiquei-me naquele poema do António Gedeão, que infelizmente não te deixo porque o livro ficou no cacifo a prevenir a próxima APA, ou será CNL, talvez TE....bem, o vulgo chama-lhe aulas de substituição!

as velas ardem ate ao fim disse...

Perfeitamente em sintonia!

bjinhos e amanha estarei por ai na Invicta.

Animal disse...

essa coisa da hipotenusa estava no manual de inglês técnico da independente

- já saquei esta lição de geometria prós marretas: a ciencia é uma coisa que deve ser partilhada pró benefício e mesmo evolução espiritual da humanidade e quiçá das pessoas...

Eric Blair disse...

Quem agradece sou eu, San.
CNL é o Clube Naval de Leça, certo?

Eric Blair disse...

Tks, Belas, diz onde e a fazer o quê.
E bê lá se num tens o passaporte caducado…

Eric Blair disse...

Concordo nomeadamente, Animal.
Saca à tua vontade; até te agradeço. Não te esqueças é de me citar no teu próximo artigo, sabes que a coisa agora é ao quilo…

Anónimo disse...

Acabadinha de receber por mail. Está quentinha (ainda queima):

"boa tarde sr professor

venho por este meio pedir informaçoes sobre a data em k serao afixadas as notas de matematica 2 do exame realizado na epoca de setembro

comprimentos ..."

Nem sei K lhe responda

Eric Blair disse...

:))))))))))))))))

Anónimo disse...

talvez, vai pó K que te f...
seu_misha

Anónimo disse...

Eu é que sou o anónimoI, caro anónimoII.
E é que foi mesmo: chumbou com 4.

Moriae disse...

Eric, no seu melhor como é hábito!
Abraço e bom feriado :)

Eric Blair disse...

Obrigado, amiga.
Bom feriado e viva o regicídio.