sexta-feira, março 24, 2006

Prego em pranto

Há pouco, na RTP, uma jovem criadora (seja lá isso o que for) queixava-se de que “os novos estilistas tem, em Portugal, dificuldade em entrar no mercado”

Porra! Não era eu que comprava umas cuecas a uma gaja que tem meia dúzia de pregos enfiados nas fuças.

15 comentários:

Carlos Barros disse...

só tens de lhe comprar as cuecas...ninguem disse para a beijares (hihihih)

ou alguma vez viste a mãe da Claudia Shiffer... se viste de certeza que nunca sonharias com a filha...

oLouco disse...

Onde mais terá ela pregos?

piscoiso disse...

Os pregos até podem dar jeito.
Evitas ir à loja de ferragens.

Papo-seco disse...

ahahahhah

nem mais

Galo Rouco disse...

Isso é que é falar.
Homem do Norte é assim!

Cristina disse...

estais azedo mesmo....lol

mas as cuecas também levam pregos??? :))

seu_misha disse...

Ressaviado ... não vez que ela trabalha em part-time na Max Mat

mixtu disse...

yayayayya, depende das cuecas e a menina sem os pregos era jeitosa?
cumpriementos monarquicos

Mac Adriano disse...

E neste país as dificuldades são gerais. Só a jovem criadora é que não ia ter dificuldades? Veja-se o coitado da postagem de baixo, que tem que andar a trocar os seus belos carros por reles Mercedes...

O_Chaga disse...

lol!
por acaso!

omeublogemaiorqueoteu disse...

E há casos em que descobres que tem pregos enfiados noutros sitios.

Raimundo disse...

Mas olha lá... para que raio haverias tu de comprar umas cuecas a uma rapariga? Não me digas que andas a experimentar coisas novas!?

spartakus disse...

Bom dia e um abraço Kmrd, sei lá porque...olha, vi-te no Bart.

sem cantigas disse...

preconceito, né???

sem cantigas disse...

vai um subsidio?