domingo, janeiro 13, 2008

Têésseéfedêénemarqueteste


Um recente estudo da Têésseéfedêénemarqueteste, permite concluir que:

37% dos portugueses não descortina qualquer desvantagem ou inconveniente de Alcochete relativamente ao que quer que seja. Os restantes 63% estão em absoluta concordância com o grupo anterior

100% dos empresários estão muito contentes com a escolha
100% dos governantes também

100% dos provincianos estamos absolutamente convencidos de que Alcochete ou Ota ou Portela +1 fica tudo a escassa dezena de metros da Praça do Comércio.

Diz há anos um amigo meu:

“ – um gajo vai por aí abaixo de trincha e balde de tinta na mão, a emborcar uns finos e uns cimbalinos e, na primeira tasca em que nos retorquirem – imperial? ou – bica?, um gajo saca da trincha e marca um traço na estrada.” E, no momento em que chega a esta parte do discurso ele simula com violentas braçadas uma operação de demarcação territorial enquanto profere um potente e decidido FRONTEIRA!
.

18 comentários:

'mega' disse...

'devido à capacidade que a dita banha tem de diminuir o atrito entre dois algos (isto soou-me melhor pensado que escrito...), também pode ser vendida para fins meramente sexuais como por exemplo a 'descolagem' do pittbull com a cadela caniche da vizinha...'

Eric Blair disse...

É só contributo prá ciência nesta tasca, ó Mega. Tu vai contribuindo que cá a malta acata.

numtiquibóques disse...

Eu acho que 63% nem sabe tão pouco o que é um Aeroporto, incluindo a malta do Porto que deram ao Aeroporto o nome de um indivíduo que morreu de avião!
O ideal para isto tudo seria Portela menos um.
Fossem a pé!
Ei.

Francis disse...

eu cá por mim queria era um avião só para mim.

Eric Blair disse...

Eu também sempre achei caricato o nome do torresmo prá aerogare, mas enfim; é como o infantário Florbela Espanca!
De qualquer das formas, o aeroporto sempre foi o de Pedras Rubras; a Aerogare é que foi Batisada com o nome do chega a vara da direita portuguesa.
Aquando das mais recentes obras na aerogare, abusivamente, colocaram lá o nome do torresmo.
E tenho dito!

Eric Blair disse...

... e uma bailarina russa, Frank; não te esqueças da bailarina russa.

San disse...

A Mouraria, desculpem lá, ri-se !

Eric Blair disse...

aqui a Galiza, chora :(

António Barbosa disse...

Há muito tempo que não me ria tanto sozinho como desde que descobri este blog.
Apesar da vida não me sorrir e de não me sentir com capacidade e imaginação para ter a vossa piada vocês fazem-me rir como não ria há anos...muito obrigado.
Então este Eric Blair...é cada tiro cada melro...lol.
é bom saber que há pessoas assim

Eric Blair disse...

Pôrra, pá, ainda me vai dar uma síncope com tanta emoção. Profundamente çenciblisadu e o escafandro. Aparece, mas é, que a inspiração só vem com os vossos bitaites.
Hasta siempre, Brbosa.

as velas ardem ate ao fim disse...

Nada como um país feliz!

bjinhos

Menina_marota disse...

Eu tenho um quintalzito de ciuves na minha aldeia. Será que me farão lá um aeroporto? É que já me canso ir de carro, com tanto "azelha" nas estradas, o melhor é mesmo de avião, ainda oara mais que não existe no céu operações Stop...

Beijo e bom ano ;)))

Francis disse...

tovarich eric, nasdrovya.

Inha disse...

Ora, podíamos ficar com os dois arioportos e assim podiaçe biajar da portela para alcochete, que sempre tem menos trânsito cas pontes e num çe paga portagem.:P

Eric Blair disse...

tks, Belas; Hasta

Eric Blair disse...

não custa tentar, Menina; é meter os papéis...

Eric Blair disse...

tovarich, Frank

Eric Blair disse...

Ora aí está uma boa sugerência, Inha