sábado, agosto 20, 2005

Vergonha

de ser português.
Eu aqui cercado pelo fogo e os foguetes continuam na aldeia vizinha.
Já nem falo de bom-senso, falo de solidariedade.

14 comentários:

Pinto Ribeiro disse...

bom dia e obrigado KAMARADA.

Mendes Ferreira disse...

Vergonha de ser-se assim: incapaz de olhar e ver...um bom domingo.

Eric Blair disse...

Bom dia também para os meus amigos.

Mendes Ferreira disse...

...e eis como o norte e o centro sintonizam o estado deste País...abraço...

Mendes Ferreira disse...

oh Eric, 41 euros?...

mfc disse...

É a "vã e vil tristeza" de que fala Camões.
Um nojo!

Pedro silva disse...

blair
a solidariedade morreu. e foi cremada.

Pinto Ribeiro disse...

JÁ NÃO HÁ PALAVRAS. APENAS MUITA RAIVA E IMPOTÊNCIA. que porra de país!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Eric Blair disse...

Cêntimos, MF, cêntimos. É do fumo. Eu já não vejo nada...

Eric Blair disse...

Pois, meus amigos, isto está num estado, que nem vos conto.

Ontem, o enquanto um centro comercial de Viana do Castelo fechava e o hospital corria idêntico risco, os tipos continuavam a montar o fogo de artifício na ponte (a escassos 500m de distância) para a grande festança da Senhora da Agonia - nome muito apropriado!

Se houve fogo (de artifício, bem entendido, que do outro ainda não parou desde há uma semana) ou não, deconheço, porque andei ocupado demais para ouvir notícias. Hoje passei a tarde a limpar um terreno dum irmão meu, para fazer frente às labaredas, que andam próximas.

Agora vou-me sentar a beber uma super-bock (ou duas ou três) que bem mereço.

Charlito disse...

Tentei perceber o que não dá para perceber. Mas percebi. Esta gente vive o ano inteiro da 'lavoura'. Espera pelos seus emigrantes para com eles fazer a festa. Quando quis partilhar com eles estes momentos de inferno aludindo ao 'espectáculo' do fogo de artifício, fui fulminado por um olhar estranho. Senti que estava regado com gasolina e tinha acabado de acender um fósforo... Os emigrantes não podem ser penalizados!

Eric Blair disse...

Pá, a culpa ou é dos emigrantes ou dos imigrantes, agora escolhe :)

maria disse...

sim... não há paciência!
Mas essa ideia de, pelo menos solidariedade, implica que as pessoas sejam ainda (ou se tenham tornado?) seres pensantes o que...
não há paciência.

Eric Blair disse...

É triste, Maria, muito triste.